Voce esta aqui: Home/ Destaques / Bate recorde número de pessoas que buscaram credores para quitar dívidas em 2013

Bate recorde número de pessoas que buscaram credores para quitar dívidas em 2013

Mais de 7 milhões de brasileiros regularizaram todas as pendências financeiras e deixaram a lista de inadimplentes no primeiro trimestre do ano

Levantamento da Serasa Experian aponta que no primeiro trimestre deste ano, 7,2 milhões de consumidores deixaram a lista de inadimplentes. Um aumento de 4,5% em comparação com mesmo período do ano passado. O número é o maior já registrado para o primeiro trimestre desde 2006, quando iniciou a medição.

Segundo os economistas da Serasa Experian, trata-se de uma boa notícia, pois cada consumidor teve que regularizar entre 3 e 4 dívidas de janeiro a março para deixar a lista de inadimplentes.

Os economistas apontam que os principais motivos para o aumento de consumidores que regularizaram pendências são: a expansão das renegociações de dívidas (incluindo pela internet), os juros reduzidos, o desemprego baixo, a evolução da renda, além do menor ritmo de crescimento do endividamento no ano passado (2012), com decréscimo gradual do comprometimento da renda com prestações. Como a inadimplência do consumidor está numa trajetória decrescente, este é um bom momento para o consumidor colocar sua vida financeira em ordem, ressaltam os economistas.

Veja abaixo as dicas dos economistas da Serasa Experian para controlar o orçamento da casa e evitar o superendividamento e a inadimplência.

Dicas

1ª Antes de ir ao supermercado, faça uma lista do que é preciso. Não vá com fome porque é sempre um estímulo para compras desnecessárias. Evite passear pelas gôndolas e experimentar os lançamentos.

2ª Também faça uma lista de compras necessárias no caso de roupas e sapatos. Isso evita agir por impulso.

3ª Procure fazer os pagamentos sempre em dia, seja de despesas fixas, financiamentos ou cartões de crédito, evitando juros e multas.

4ª Controle os gastos dos cartões de crédito de dependentes. Lembre-se que quanto maior o número de cartões de crédito que você tem, maior será a dificuldade para controla-los. Se há dificuldade em manter o controle, opte pelos cartões pré-pagos. O descontrole é a maior causa da inadimplência.

5ª No caso do telefone celular, procure planos familiares, em que há descontos quando se fala com determinadas pessoas ou com as da mesma operadora. Pesquise sempre.

6ª Lembre-se e reserve dinheiro, principalmente com recursos do 13º salário, férias e bônus, para as despesas sazonais, como volta às aulas, pagamento de IPVA e IPTU e demais datas comemorativas.

7ª Utilize a mesada como um aliado na educação financeira de seus filhos.

8ª Faça um fundo de emergência, na forma de poupança, para cobrir eventualidades, como: conserto de um eletrodoméstico, desemprego, caso de doença na família etc. Procure poupar o mesmo percentual do salário que você gasta em pagamentos de dívidas. Exemplo: poupe 10% de sua renda e faça prestações mensais equivalentes a no máximo 10% da mesma. É uma maneira mais segura de garantir a estabilidade financeira da família.

9ª Defina com a família as prioridades de gastos. Assim, fica mais fácil engajar todos no controle dos gastos.

Fonte:  Serasa Experian

Deixe um comentario

Copyright © 2011 E.R.Tecnologia. Todos os Direitos Reservados.